300 BILHÕES DE REAIS: é o valor que o Brasil deixa de arrecadar todo ano com renúncias fiscais, e ninguém sabe para quem está indo esse recurso. O valor reúne o conjunto de benefícios que o governo federal concede para empresas, instituições e pessoas físicas. Em troca, a promessa é que as organizações invistam em melhorias para a sociedade, como a geração de empregos.

Parece uma boa ideia, mas o problema é que não temos a informação precisa de quem se beneficia com esses incentivos e para onde vão os recursos, o que impossibilita avaliações sobre eles.

Precisamos saber a verdade. Precisamos saber para onde vai esse recurso e quais são os benefícios.
#SóAcreditoVendo!












Pessoas

Ao inserir seus dados, você concorda em ter seus dados compartilhados com os organizadores dessa página e aceita receber emails de atualização, conforme descrito na política de privacidade. Você pode cancelar o recebimento desses e-mails a qualquer momento.

Organizações

Ao inserir seus dados, você concorda em ter seus dados compartilhados com os organizadores dessa página e aceita receber emails de atualização, conforme descrito na política de privacidade. Você pode cancelar o recebimento desses e-mails a qualquer momento.















Ainda este ano, o governo deve apresentar um plano para reduzir as renúncias fiscais em 50%. Para que possamos opinar sobre o plano e garantir que ele reduza desigualdades, é fundamental termos informações concretas e precisas sobre esses incentivos.





Faça parte deste movimento também.
Assine e compartilhe o Manifesto Só Acredito Vendo!

# Incentivos às Bebidas Açucaradas fazem
mal à saúde e aos cofres públicos

Alguns exemplos são marcantes para entender como os incentivos fiscais afetam a vida, a saúde e o bolso dos brasileiros. Você sabia que nosso país subsidia a produção de bebidas adoçadas, como refrigerantes e sucos industrializados? Isso significa que, por causa dos incentivos fiscais, comprar um refrigerante acaba sendo mais barato que um suco natural, causando grandes danos à saúde da população e gerando mais despesas para o poder público.

# Incentivos à indústria de produção de óleo e gás no Brasil: na contramão da transição energética

O Brasil oferece anualmente bilhões de reais em benefícios fiscais à indústria de petróleo e gás, encorajando a produção de combustíveis fósseis desde a extração até o refino e alimentando a crise climática no mundo.

# Mais fome, mais veneno: induções públicas e benefícios fiscais aos agrotóxicos

Além disso, o Estado também faz a escolha política de isentar ou reduzir os impostos sobre agrotóxicos, privilegiando o lucro do agronegócio em detrimento da agricultura familiar. Isso significa mais fome e mais veneno no prato dos brasileiros, violando o direito humano à alimentação de qualidade.








Só Acredito Vendo é uma campanha em defesa da transparência das isenções fiscais concedidas pelo governo federal. A campanha é realizada pelo Inesc, ACT, FIAN Brasil, Campanha contra os Agrotóxicos e Purpose. Conta com o apoio de outras organizações da sociedade civil e pessoas que estão lutando para que as informações sobre o dinheiro público estejam disponíveis para todas e todos.
Queremos saber a verdade sobre os incentivos fiscais aplicados pelo governo e os reais benefícios gerados para a sociedade: Só Acredito Vendo!